whos.amung.us

novembro 30, 2010 by

Portugal The Man

março 31, 2010 by

Portugal The Man – The Dead Dog by Royalty Central

SIGNS

março 6, 2010 by

Muito bom, bonito,  divertido e cheio de espectativas.

Estou falando de SIGNS, um curta do diretor Patrick Hughes.

Título Original: Signs
Gênero: Comédia/Curta
País: Austrália
Ano de Produção: 2008
Tempo de Duração: 12 minutos
Direção: Patrick Hughes
Roteiro: Patrick Hughes

Elenco: Kestie Morassi (Stacey) e Nick Russell (Jason)

Eu gostei.

Okey Dokey

Pixel art, pequena paixão repentina

março 6, 2010 by

Eu gosto de imagem, audiovisual, comunicação (apesar de não saber me comunicar), e revendo meus antigos emails, eu lembrei que em algum tempo átras eu fiz uma conta pra jogo HABBO, no final eu nem joguei e deixei de lado. Mas o que interresa é que eu percebi como é incrivel a Pixel art , e as pessoas geralmente nem dão muito valor. Fazer uma imagem de pixel art dá um trabalhão, porque geralmente a imagem é feita pixel á pixel.

O pixel art foi muito usado na época dos jogos 2D, Pixel art requer certa pratica, não é dificil, é so trabalhoso
Existem diversoso trabalhos com pixel na internet, confira alguns abaixo:

Clique na imagem para ver melhor.

Olha que interessante, acho que esse site – http://ryanallen.com/gooncity/city.htm – está montando uma cidade em pixel com colaboração dos úsuarios.

Se você estiver bastante interessado tem esse texto desse blog bem completo, http://obviousmag.org/archives/2009/01/pixelart.html.

Okey Dokey.

Introduzindo um pouco mais de irrelevância.

janeiro 7, 2010 by

Olá, meu nome é Philipe e estarei postando alguns temas até então ausentes aqui (que no caso, é quase todos os temas de todo o universo conhecido já que este blog ainda quase não tem posts), especialmente um pouquinho de ciência =) .

Pra início então, dêem uma olhada nesse videozinho interessante mostrando como fisicos preparam seu café:

A Música do Assobio

janeiro 3, 2010 by

Assistido a um programa da MTV chamado SAP, eu vi um clipe de uma música que tinha um assobio no começo, e que ficou um tempão na minha cabeça.A musica é  Young Folks da banda suíça, Peter Bjorn and John com a participação Victoria Bergsman (do grupo The Concretes). A música fez e ainda faz muito sucesso e também foi eleita por várias publicações como uma das dez melhores do ano de 2006. A direção do videoclipe, feito em animação e protagonizado por um jovem casal, é do Ted Malmros, baixista do Shout Out Louds.

Pesquisando sobre a música eu descobri que ela  ganhou o prêmio Grammis (uma versão sueca do Grammy) de melhor videoclipe em 2007, e  está na trilha sonora da novela A Favorita, e já tocou em muitas séries como  Nip/Tuck, Grey’s Anatomy, Dirty Sexy Money, Gossip Girl e em outras produções e propagandas publicitárias.

“Young Folks” estourou em blogs, apareceu em trilhas de seriados, videogames, liderou parada no iTunes, foi vista, em vídeo, por mais de 7 milhões de pessoas e ganhou covers de artistas ingleses, japoneses, alemães. Até o rapper americano Kanye West usou sampler do über-assobiado sucesso.

Veja agora o clipe da música, aposto que o assobio não vai sair da sua cabeça.

Lutas

novembro 18, 2009 by

Depois de muito tempo sem postar, e depois do pedido de muitos, para que eu atualizasse (quer dizer, apenas da gentil moça do blog Of course. this knicker is MINE! ), decidi falar sobre uma produção brasileira que promete, o filme de animação Lutas.

No filme, um ser vive mais de 600 anos, por isso ele acompanhou grande parte da história do Brasil, e nesse tempo ele vive em busca de seu grande amor – Janaína. Já no Rio de Janeiro, ele encontra Janaína no corpo de outra, e isso tudo em meio a conflitos da ditadura.


O filme é produzido pela Burti Filmes, Gullane Filmes e com a Lighstar Studios, “Lutas” é voltada para adultos e adolescentes. Com direção de Luiz Bolognesi, o longa parece ser muito bom, e pode ser uma promessa para a história da animação brasileira. Lutas tem previsão para ser lançado em 2010.

Veja o trailer:

O Cheiro do Ralo

novembro 1, 2009 by

o_cheiro_do_ralo

Poucos filmes são como O Cheiro do Ralo,  um filme dirigido por Heitor Dhalia, que é uma adaptação do livro de mesmo nome, de Lourenço Mutarelli,  e nos faz pensar qual é a nossa essência.
O filme conta a história de Lourenço, um homem que tabalha comprando objetos usados de outras pessoas. Na sala onde ele trabalha há um banheiro, cujo o ralo cheira mal, daí o nome do filme.
O filme é meio louco e engraçado, ainda mais por que protagonista Loureço (Selton Mello, que interpreta muito bem o personagem que ele mesmo escolheu ), descobre que sua essência é o cheiro do ralo.
Outro coisa egraçada é a maneira com que trata seus clientes e o fato de que não tem afeto por ninguém.

Veja o trailer


%d blogueiros gostam disto: